Uma pessoa que sofre de ansiedade...

21:14

Bom dia guerreiros e guerreiras do meu coração de dragão! Tudo bem?  Hoje vim bater um papo com vocês sobre algo que eu carrego comigo por quase toda minha vida... A  MALDITA ANSIEDADE! 
Se você se identifica com isso, e quer saber como lido com ela na minha vida!

Roer unhas

Ansiedade:

Primeiro levantaremos o seguinte detalhe em que eu estou nos meus vinte e tantos anos de idade, e eu comecei a roer unhas já por ansiedade desde meus QUATRO anos de idade. É muito tempo vivendo nisso. E não é uma simples ansiedade, mas sigo a vida mesclando meus bons e maus dias.
Primeiramente o que todo mundo deveria saber é que a mente de uma pessoa ansiosa pensa em TODAS AS POSSIBILIDADES POSSÍVEIS diante de um problema. Todas, todas, todas, todas! A mente de uma pessoa ansiosa é extremamente barulhenta! Tá, mas isso envolve possibilidades boas e ruins, mas as boas a gente simplesmente ignora, porque a gente não precisa estar preparado para elas, já que são boas. A questão é o preparamento psicológico para as coisas caso algo dê errado. E é ai que o pensamento vai mais longe ainda, você não sabe se vai dar conta de resolver, não sabe se consegue, e se não conseguir, o que vai fazer? E é aí que o bicho pega! A mente de um ansioso sofre muito por antecedência, e não é uma simples ansiedadezinha não, é uma ansiedade que prejudica a vida, te tirando a atenção de coisas importantes, altera o humor, pode causar noites mal dormidas ou até mesmo períodos de insonia...

crise de ansiedade

E olha, o pior nem são apenas os pensamentos pois depois de sofrer tantas ansiedades fortes, seu organismo começa agir de maneira diferente. Lembro-me perfeitamente de uma fase horrível da minha vida onde a mistura de ansiedade e estresse, me causou fortes crises de falta de ar mescladas com taquicardia. E elas vinham do nada, eu cheguei a acordar com taquicardia e falta de ar... Eu estava entretida vendo a tv e do nada me dava taquicardia e falta de ar... Não tinham momentos para acontecer, eu não precisava estar nervosa pra crise vir, ela vinha quando ela queria, mesmo nos meus melhores momentos. E isso é algo que eu não quero sentir NUNCA MAIS, de tão horrível que foi. Mas ainda tem algo pior, quando estou ansiosa, lembro de quando passei mal, e por não querer passar mal de novo isso me dá ansiedade de novo. Olha que loucura! E esqueci de mencionar também que nas minhas crises de ansiedade eu tenho diarreia, ânsias e vômitos, olha que coisa mais legal do universo >_>.
As vezes também quando estou ansiosa começo a suar muito e sentir um grande calor pelo corpo, mesmo que isso me deixe com as mãos geladas. Por algumas vezes dependendo a situação também ocorre algumas tonturas ou até mesmo aquela vontade imensa de comer e comer e comer.... mesmo sem fome, só comer para tentar ver se ansiedade passa.
E é como dizem por aí, depressão é excesso de passado, ansiedade é excesso de futuro.
Características da pessoa ansiosa

Uma das primeiras coisas a se fazer para combater ou pelo menos controlar a ansiedade, é perceber quando está ansioso e perceber o que está te causando essa ansiedade. Sabendo disso, é a hora de focar o pensamento em outra coisa e abandonar esse problema até você melhorar para depois resolver o problema.  É fácil? Não, não é, mas é um aprendizado.
Outra coisa a se fazer é controlar a respiração, mas pra mim essa é uma das piores partes porque eu não consigo respirar direito. Mas sei que quando estou em extrema ansiedade eu gosto de ficar sozinha no meu canto para simplesmente poder tentar respirar melhor e esquecer de tudo. Geralmente as pessoas ficam "nossa, não fica nervosa com isso, vai dar certo, não esquenta a cabeça", mas quando você já está dentro daquela crise isso só piora. Então eu procuro me isolar para pelo menos tentar me tranquilizar sozinha, respirar, pensar em outras coisas pra depois voltar para perto das pessoas e fazer aquilo que eu estava fazendo. E a questão da respiração, é tentar respirar tranquilamente, com respirações e aspirações longas e calmas, nada de respirar de maneira afobada porque isso acelera ainda mais o coração.
Fazer exercícios físicos também é uma ótima opção para descarregar essa energia tensa de ansiedade.
Músicas totalmente tranquilas também me ajudam a controlar a ansiedade, pelo menos naqueles momentos em que posso ouvir música... Em especial gosto das músicas do Adrian Von Ziegler, mas você pode descobrir o estilo de música que mais te tranquiliza.


Vídeos de filhotes de cachorro também me ajudam muito! E se também preferir, pode visitar a página do blog no Facebook que tem imagens lindas e tranquilizantes de natureza com ambientes bem calmos!
Eu tento sempre me ajudar sozinha, tento ser uma guerreira sempre, pois ninguém sabe exatamente como é a visão no nosso interior. Ninguém sabe das lutas internas diárias que as pessoas têm. Eu nunca cheguei a passar em psicólogos mesmo sabendo e reconhecendo que o meu nível de ansiedade não é algo totalmente comum, eu sei e reconheço que por muitas vezes preciso de tratamento, mas eu tento me esforçar e melhorar sozinha.
controlar a ansiedade

Mas, se você se identifica comigo, ou com as características aqui mencionadas e não se acha forte suficiente para controlar isso, procure ajuda. Sério, não há nada demais em reconhecer sua fraqueza e pedir auxilio para conseguir viver bem com isso. Tem dias que consigo controlar bem, outros não, mas mesmo assim me esforço sempre, é uma grande característica minha ser uma pessoa muito esforçada, então levo isso comigo pra vida. Então se abra com seus pais, tenha um amigo para te ouvir nas crises, alguém que você possa desabafar esse cargo tenso que carrega nas costas. Mesmo que ele não possa fazer nada pra ajudar, mesmo que ele nem responda imediatamente, ele vai te ouvir/ler. E só de botar pra fora já ajuda. 
E outra coisa, não confundam crise de ansiedade com síndrome do pânico e outras variações... mas infelizmente elas também vem da ansiedade. É bom sempre ler artigos com isso para saber como se você melhor se identifica, as vezes você pode achar que é uma "simples ansiedade" e isso ser algo pior. Então, ressalto, não tenha medo de procurar ajuda. Eu amo a área da psicologia, tem pessoas que tem fobia achando que ir no psicólogo é porque você é louco... não tem nada disso, assim como existem médicos para tratar das questões físicas, existem também os médicos para tratar das questões psicológicas. Não deixe de procurar ajuda!
E o mais importante, é preciso saber lidar com isso. Existem sim grandes ajudas, mas só você pode fazer você se sentir melhor. Só você que pode tentar controlar isso tudo. Sua família, amigos, psicólogos estão ali pra te ajudar, pra te auxiliar, para orientar, mas é você quem vai lidar com isso tudo. Procurar ajuda sem querer se ajudar é perda de tempo. Então antes de aceitar ajuda dos outros é necessário querer se ajudar primeiramente.

E você? Também sofre de ansiedade? 
Tem alguma técnica para ajudar a controlar ou melhorar isso? 
Vamos compartilhar! 
Deixe um comentário!

Você também poderá gostar de:

comentário(s) pelo facebook:

32 comentários

  1. O tenso da minha ansiedade é que eu não consigo fazer nada quando me dá o ataque. Eu fico tão ansiosa que nem me movo. Chega a ser assustador.
    | Blog A Bela, não a Fera | | FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, eu não sou assim... aliás, quando eu fico ansiosa eu preciso ficar um tempinho sozinha pra tentar colocar a cabeça no lugar... mas nao entro em estado de choque não... Mas é ruim né? Só quem passa por essas coisas que entende... =/

      Excluir
  2. La vai a sumida aparecendo do nada de novo, me desculpe ><
    Não sei o que, mas alguma coisa me levou a buscar seu blog hoje com uma vontade insana e agora sei o porque. Vamos lá...
    Tem cerca de um mês que me descobri com ansiedade. Tudo aquilo que acontecia comigo eu achava que era paranóia, que eu precisava tirar essa maluquice toda da cabeça e afins. Sempre fui tímida, porém extremamente sociável, que acabei perdendo 100% com a vinda da ansiedade e não percebi de imediato. Estava acabando com meu relacionamento. Todas as vezes que começo algo novo (seja a primeira vez a participar de um evento ou primeiro dia de aula), meu estômago revira como se eu fosse vomitar. Já tive um trauma de queda de pressão na rua enquanto estava sozinha, então todas essas vezes a sensação que tenho é daquele dia de sol forte em que quase desmaiei no metrô ao 12:00. Passei a conversar menos e a necessitar mais da atenção das pessoas por não saber o que falar. Minha família não sabe e não pretendo contar. Sei que seria o certo, mas não me sinto confortável pra isso. Ninguém me da a confiança de que irá realmente me ajudar ao invés de dizer "ah isso é exagero da sua parte...". Nem mesmo minha melhor amiga acreditou. Apenas meu namorado. Pra não estender mais ainda, hahaha, fico feliz quando encontro pessoas que falam de suas experiências e o que fazem e você foi a única que vi que pretende se cuidar sozinha, como pretendo fazer, pois não conheço ninguém que eu converse sobre isso e que me diga algo além de "putz, que chato né...". Se pudermos conversar sobre isso algum dia em que não seja muito pesado pra gente, ficarei feliz o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah! O que me acalma, é o album Time 1 do Wintersun. Mais ainda o Instrumental. Resolvi começar a fazer yoga (incluindo meditação), mas o estresse diário acaba atrapalhando as vezes... Mas a primeira vez já foi o suficiente pra me sentir bem

      Excluir
  3. Pois é, você sumiu, mas fico imensamente feliz de ver você de volta aqui!
    Como eu disse, só quem passar por isso que sabe realmente como é, quem não sofre de ansiedade imagina que é frescura. Mas tudo bem, eu tento sempre ser forte e não deixar isso abater de uma maneira que faça minha vida parar, tento não fazer as coisas girarem em torno da ansiedade, e em algumas situações mesmo sabendo que terei que enfrentar ela, eu vou e faço. Ficaria imensamente feliz em conversar com você. Eu refiz meu face, se quiser me add la! www.facebook.com/flavianevr

    Eu tenho curiosidade de fazer yoga, mas não sei se eu ficaria satisfeita... hahahah mas enfim, só experimentando pra dizer ne! Me procura la! :D

    ResponderExcluir
  4. Não sofro de ansiedade, mas há determinados assuntos que me fazem perder o ar só de pensar e imagino que é isso que uma pessoa ansiosa sente na maior parte do tempo. Acho importante procurar ajuda, profissional ou não, mas é bom ter em mente que apesar de alguém poder te auxiliar, o controle do teu corpo depende de você. Exercícios mentais e planejamentos devem ajudar muito.

    Me chama de Bella

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, as pessoas vão orientar, auxiliar, mas só nós mesmos podemos nos ajudar, se não partir primeiramente de nós, nenhum auxilio vai ser válido!

      Excluir
  5. Gostei muito do seu post!
    Eu não sofro de ansiedade , mas a minha mãe sim então sei muito bem como é! E ela realmente melhorou muito depois que buscou ajuda de um profissional!

    Beijos

    http://senhoritamarmelada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se a pessoa não consegue se cuidar sozinha, deve realmente pedir ajuda. Como disse, não há mal nenhum nisso. E que bom que você entende, as pessoas ao redor devem entender que nós ansiosos não fazemos isso por escolha. Simplesmente somos assim! =/

      Excluir
  6. Eu era muito ansiosa e também comecei a roer as unhas, mas consegui parar com o tempo. Eu costumo ler para ajudar a passar o tempo, é a única coisa que dá certo para mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu roo unhas desde meus 5 anos de idade! Uma vida já! Teve tempos que consegui, outros não. Acho que depende muito da ocasião que está tendo em minha vida naquele momento.

      Excluir
  7. Eu crio muita expectativas, penso demais e isso é ruim, a ansiedade é um problema serio que afeta muitas pessoas, o pior é chega uma hora que ela desenvolve outras doenças...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é horrível! Mas fazer o que né, temos que lidar com isso para a vida...

      Excluir
  8. Crise de ansiedade eu nunca sofri, mas minha mente sempre pensa em todas as formas que uma coisa pode dar errado, e eu odeio isso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ansiosos também sofrem disso, nós queremos estar preparados pra tudo a todo momento, o que infelizmente nos deixa com a mente um pouco cansadas. É involuntário, fazemos isso e nem nos tocamos do que estamos fazendo...

      Excluir
  9. Flavi, gostei muito do teu post! Não sofro de ansiedade, mas conheço pessoas que sofrem. Infelizmente, algumas pessoas não entendem isso como um problema sério, o que, de fato, é. Acabam não tendo paciência... Aí, as pessoas que sofrem, sofrem mais ainda, pq acabam se fechando. É muito triste... Procurar um profissional faz toda diferença!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida! Temos que lidar com pessoas impacientes a todo instante. Costumam achar que isso é frescura e que escolhemos ser assim, mas não é bem assim que acontece!

      Excluir
  10. Nossa, super me identifiquei com o texto... com 4/5 anos eu já não dormia a noite inteira se fosse fazer um exame de sangue ou viajar no dia seguinte, acredita? Também roia e roo unha e tenho crises de enxaqueca quando estou ansiosa e dificuldade pra respirar... já fui parar no médico por isso algumas vezes. Não fui a um psicólogo, mas sim terapias alternativas como a cinesiologia, homeopatia e florais... me ajudam demais!
    Realmente, identificar as crises de ansiedade e aprender a respirar são coisas muito importantes pra gente!
    Beijos,
    A Menina da Janela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, você também sofre de ansiedade? Acho que somente quem sofre do mesmo mal que consegue saber exatamente como a nossa mente funciona, não é? Eu sofro muito com essas coisas de prazo, mas até que consigo dormir bem. O problema é quando acordo... ai tudo fica descontrolado. Mas mesmo assim ainda tento. Florais nunca me ajudaram.

      Excluir
  11. Adorei, pois sofro de ansiedade, e quando ela vem, ataca tudo, estômago, língua, intestino.. tudo ):
    Sucesso.
    Beijinhos,
    pensamentosvoados.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Por, amei o texto e n acredito q eu sofra de ansiedade, porém sou muito ansioso! Com tudo! Simplesmente sempre penso q as coisas vão dá errado e se vão dar e penso em todas as possibilidades e nos vários "e se" e odeio n ter o controle da situação, além de que sou um pouco estressado. Aí quando a minha cabeça está um turbilhão de pensamentos faço umas meditações, coloco umas músicas relaxantes no YouTube <3 e faço yoga q se tornou uma paixão nesses dias difíceis hehehe. Grande beijo!
    Http://www.cotidianocriativo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você consegue lidar bem com sua ansiedade, acho que a minha está num grau um pouco mais elevado. Mas mesmo assim, como já me conheço eu tento controlar por mim mesma. Mas pretendo melhorar isso com o tempo! :D
      Obrigada por sua visita!

      Excluir
  13. Obrigada pelas dicas Flavi! Conheço pessoas que são muito ansiosas, eu não sou tão ansiosa assim (só as vezes haha' quando é algo extremamente maneiro e que me interesse).

    Beijos ♥
    prestesavoar.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahhahaha tudo bem, espero com este post poder ajudar pessoas que sofram do mesmo mal que eu!

      Excluir
  14. Eu sofro muito de ansiedade, e é horrivel!

    ResponderExcluir
  15. Eu já passei por isso tive que ir no psicologo por 6 meses e tomava calmam eu sei exatamente o que você sente mais teve que eu disse para mim mesma basta! não posso viver a vida assim eu preciso ser livre por dentro e por fora eu sou dona das minhas emoções eu tenho o controle,sabe não era algo agradável ter que ir no psicologo falar sobre todos os meus sentimentos e ele só ouvir e não falar nada isso me dava mais ansiedade,mais quando eu decidi que eu mudaria eu mudei claro que hoje eu crio uma expectativa enorme em relação a tudo que eu vou fazer mais não sofro de ansiedade como antes e como você é uma guerreira eu sei que você vai vencer isso também.
    http://detropecosequedas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhhhhhhhh que linda! Você também é super guerreira! Que história de vida né? Superação! Um dia ainda vou controlar melhor isso tudo, mas fico muito feliz que você tenha conseguido ter forças para lutar contra isso, fico feliz por sua tragetória! <3

      Excluir
  16. Te entendo completamente e você sabe disso.. rs
    Ter ansiedade não é fácil, principalmente em uma sociedade que te cobra o tempo inteiro pra ser/fazer as coisas até tal idade e não sei o que lá mais... complicado..
    Mas enfim, você acredita que as músicas que me ajudam nas crises são justamente as mais agitadas? Parece que eu entro naquele universo da música e descarrego toda a tensão com elas.. rs
    Muito doido... ^^
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei que você também sofre com isso! É horrivel né, mas a gente se entende!
      Vou tentar fazer isso! Eu nunca experimentei isso!

      Excluir

Fico muito feliz que você esteja aqui e queira me deixar um recadinho! Sempre respondo todos comentários, então, marque a opção "notificar-me" para ler a resposta caso use o campo de comentários do blogger!